QUERO DOAR R$ 20,00

terça-feira, 12 de julho de 2016

// //

Simule a renda inicial da aposentadoria na Previdência Social.

Simule a renda inicial da aposentadoria na Previdência Social.

Neste artigo o Consultor Previdenciário vai tratar de como pode ser feito uma simulação da valor que será pago pelo INSS como renda mensal inicial no benefício de aposentadoria, sendo que é possível fazer o cálculo para outros tipos de benefícios também.

Os segurados do INSS estão, atualmente, em grande expectativa com as mudanças que estão por ser anunciadas pelo Governo e que irão alterar o direito à concessão das aposentadorias.

As regras atuais ainda permitem que o segurado se aposente cumprindo os seguintes critérios:


a) homem: combinar 65 anos de idade com 15 anos de contribuição mínima.

b) mulher: combinar 60 anos de idade com 15 anos de contribuição mínima.


a) homem: completar 35 anos de contribuição (neste caso haverá aplicação do fator previdenciário) ou atender regra alternativa de forma que somando o tempo mínimo de contribuição, 35 anos, com a idade resulte o número 95, neste caso não há aplicação do fator previdenciário. Exemplo: 35+60+=95.

b) mulher: completar 30 anos de contribuição (neste caso haverá aplicação do fator previdenciário) ou atender regra alternativa de forma que somando o tempo mínimo de contribuição, 30 anos, com a idade resulte no número 85, neste caso não há aplicação do fator previdenciário. Exemplo 30+55+85.

Muitas pessoas perguntam se vale a pena aposentar-se agora, tendo a renda diminuída pelo fator previdenciário ou esperar completar a regra 85/95. A decisão só pode ser tomado depois de saber quanto será a perda na renda mensal inicial. Para saber de quanto será a renda é possível fazer uma simulação utilizando uma ferramenta oferecida pelo site do INSS. Saiba mais sobre o cálculo da renda mensal inicial lendo o artigo: O Cálculo da Renda Mensal nos Benefícios do INSS.

Para fazer a simulação é preciso saber o valor contribuído, mês a mês, desde 07/94 até o mês anterior ao que for pedir o benefício. Caso não tenha anotado esses valores será preciso ir ao INSS e pedir um extrato de vínculo e contribuições.

Com os dados acima é só acessar este LINK e preencher os campos exigidos, escolhendo o tipo de benefício que irá requerer, depois de tudo preenchido será apresentado um resultado com os valores da média encontrada, chamada pelo INSS de salário-de-benefício, e o valor estimado como renda mensal inicial e o índice do fator previdenciário que foi aplicado. Assim poderá ver o quando irá perder e tomar a decisão se vale a pena aposentar-se agora ou esperar atingir a regra 85/95.

Observação: Por questões de direito que tiver preenchido os requisitos da regra atual poderá pedir o benefício a qualquer tempo, mesmo que tenha havido alteração, é o chamado direito adquirido, salientando-se que é preciso ter todos os requisitos preenchidos para ter esse direito.

Caso tenha alguma dúvida acesse o Fórum do Consultor Previdenciário e faça sua pergunta que será respondida o mais breve possível.

Fórum do Consultor Previdenciário