segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

// // 338 comments

INSS. Tabela de Contribuição 2011.

Previdencia SocialINSS. Tabela de Contribuição 2011.


A Previdência Social do Brasil publicou a Portaria nº 568 no dia 31.12.2010 e nela foram publicados os valores da nova tabela de contribuição para o ano de 2011. As contribuições que serão feitas a partir da competência 01/2011, que deve ser paga até 15.02.2011, devem seguir os seguintes valores.

Esta tabela vale para as contribuições feitas pelos segurados empregado, empregado doméstico e trabalhador avulso. Os contribuintes individuais pagam 20% do valor declarado que varia do salário-mínimo, R$ 540,00, até o teto, R$ 3.689,66.

Quem ganha até R$ 1.106,90 contribui com 8%.

Quem ganha de R$ 1.106,91 a R$ 1.844,83 contribui com 9%.

Quem ganha de R$ 1.844,84 a R$ 3.689,66 contribui com 11%.

Os valores das contribuições acima são retidos pelo empregador que tem a responsabilidade de recolher junto com a sua parcela.

O contribuinte individual que preste serviço à empresas ou cooperativas tem o percentual de 11% retido pelo adquirente do trabalho e não tem que recolher nenhum valor caso tenha renda no teto. Caso queira complementar as contribuições, no caso de ter renda inferior ao teto, deve pagar 20% sobre o valor restante. Exemplo: Se tem uma renda de R$ 2000,00 por trabalho a uma empresa e quer contribuir no teto deve preencher o carnê com o valor da diferença do teto, R$ 3.689,66, e o valor que sofreu retenção na empresa, neste caso R$ 2000,00. Terá que recolher 20% sobre R$ 1.689,66.


Atualização: A partir de 01.07.2011 entra em vigor uma nova tabela de contribuição: As alíquotas são de 8% para aqueles que ganham até R$ 1.107,52; de 9% para quem ganha entre R$ 1.107,53 e R$ 1.845,87; e de 11% para os que ganham entre R$ 1.845,88 e R$ 3.691,74.

Veja a nova tabela que entrou em vigor em Janeiro de 2012 em: Tabela de Contribuição ao INSS 2012.

Veja a tabela de contribuição para o ano de 2014 no artigo: O INSS e a tabela de contribuição para 2014

Caso tenha alguma dúvida faça sua pergunta. Faça um deposito como DOAÇÃO, use o PAGSEGURO, e ajude a manter o blog.




Se gostou do post subscreva nosso FEED. 
Cópia não permitida - www.aposentadorias.net 

338 comentários:

«Mais antigas   ‹Antigas   201 – 338 de 338   Recentes›   Mais recentes»
Consultor Previdenciário disse...

Cidinha
Não há como fazer essa conta, mas pagar os próximos anos, não sei quantos faltas, com valor maior de pouco vai aumentar a média, mesmo que pague no teto. Por isso é mais vantajoso pagar os 11% do mínimo que irá receber o mínimo.

Anônimo disse...

os empresários agora estão ganhando inserção de 20% .porque eles ganham e os trabalhadores não ganham nada e quando estão procurando se aposenta de dificuldades si quem mantem a riqueza deste paiz são os operários e não os empresários

jorge disse...

posso pagar como autonomo as ultimas 6 contribuições em atraso,sem vinculo.

Anônimo disse...

Ola Boa Tarde!Minha Mãe contribue para previdencia social referente a 20% em cima de dois salarios minimo. Ela se aposentara com dois salarios?

Consultor Previdenciário disse...

Jorge
Se você é contribuinte individual e deixou atrasados pode pagar sim, é só solicitar a guia no inss.

Consultor Previdenciário disse...

Depende do tipo de benefício que ela vai pedir, há muitas variáveis nesse caso.

Anônimo disse...

Sou médica e contribuo pelo teto máximo a mais de 5 anos, hoje tenho 56 anos e fiz concurso público, assumi em janeiro, desconto para o fundo do municipio que tem regime de previdencia pr´prio 680,00 reais, continuo recolhedo pelo teto máximo para o INSS como autonoma. Em março sofri um infarto ficando com sequelas, estou recebendo auxilio doeça do INSS no valor de 2.521,00, não deveria ser valor do teto máximo de 3.640,00?. Do municipio recebo valor integral pois me encontro em laudo. É legal receber das 2 fontes?. Em caso de não poder mais voltar ao trabalho serei aposentada por invalidez, receberia valor integral do municipio e do INSS?

Consultor Previdenciário disse...

Do regime próprio(prefeitura) não tenho conhecimento.
No INSS a renda é feita pela média das contribuições desde 07/94 e desta média é pago, no auxílio-doença, 91%, se for aposentada recebe 100%.
Pode se aposentar ou receber auxílio-doença nos dois regimes, pois são distintos em tudo e só depende de ter feito as contribuições.

Anônimo disse...

gostaria de saber qual será o valor que receberei de aposentadoria, o valor que eu é pago é sobre R$ 2.000,00 x 11% = R$ 220,00 (de inss)tenho 71 anos e ainda falta 4 anos para pagar no tempo de 15 anos. (e qual é o teto máximo de aposentadoria)

Anônimo disse...

Boa Tarde
Sr.Catarino

Méritos pelo blog,se o Sr.puder me ajudar agradeço desde já.

Tenho 50 anos e contribui para o INSS durante
30 anos,tenho direito a aposentadoria proporcional?

Anônimo disse...

MAGDA (32 ANOS)
TRABALHEI 6 ANOS E MEIO DE CARTEIRA ASSINADA, RECEBENDO UM SALÁRIO MÍNIMO, HOJE ESTOU DESEMPREGADA E ESTOU CONTRIBUINDO (11%) SOMENTE COM UM SALÁRIO MÍNIMO, DEPOIS DE ALGUNS TEMPO POSSO CONTRIBUIR COM MAIS QUE UM MÍNIMO?

Consultor Previdenciário disse...

O teto esta tabela acima.
A renda é feita pela média e não há como prever quanto vai ser, veja o artigo onde explico como é feita a média, veja quadro ao lado.

Consultor Previdenciário disse...

Se você é um anonimo não tem direito, se é uma anonima tem.

Consultor Previdenciário disse...

Magda
Quem paga 11% só pode pagar sobre um mínimo e só se aposenta por idade com renda de um mínimo.

Anônimo disse...

comecei a pagar meu inss o ano passado;mas dexei atrasar.esse ano ainda não paguei,se EU quiser posso pagar o atrasado de uma vez.é posssível ficar atualisado meu pagamento e isso vai contribui para minha aposentadoria....sou autonoma

Bruna Lima disse...

Olá Catarino, boa tarde!
Trabalhei com carteira assinada por 02 anos e atualmente sou bolsista da Unicamp de pós graduação e devo fazer o pagamento do INSS via código 1406, correto? Porém, minha dúvida principal, para aposentar por tempo de contribuição tenho que contribuir 25 anos? E para contar os 02 anos de carteira assinada eu tenho de pagar 20%? E a base de cálculo para a aposentadoria será com feita sobre o valor de quantos anos de contribuição??? A minha preocupação é não perder os 2 anos de contribuição e ainda poder receber um valor alto no futuro... Obrigada pela atenção!

Consultor Previdenciário disse...

Se você pagar os atrasados o tempo será contado normalmente para fins de aposentadoria.

Consultor Previdenciário disse...

Deduzindo que você seja mulher, pelo obrigada, o tempo mínimo para aposentadoria é de 30 anos.
Para se aposentar por idade terá que contribuir com 20%, se quer se aposentar por idade e receber o salário-mínimo pode pagar 11%.
A renda é feita com as contribuições desde 07/94 e para ter a renda alta é preciso pagar 80% do período entre essa data e o mês em que for se aposentar. Veja artigo no quadro ao lado.

Anônimo disse...

Ola! Trabalhei 16 anos numa empresa desses 16, 12anos à noite. gostaria de saber se trabalho noturno somam anos a mais no inss, ou não tem nada a ver. desde já agradeço.

Consultor Previdenciário disse...

Não tem nada especial, é tempo comum.

Juliana disse...

Comecei a pagar inss em janeiro desse ano como contribuinte individual. Estava pagando 108 reais q foi me informado que seria 20% do minimo...mas vi hj q na verdade é 109!O que acontece se todos os meses eu paguei abaixo do vamor minimo??

Sônia disse...

Eu presto serviços pra uma empresa, recebendo mais ou menos 1000 reais, que recolhe 11% pra inss. Se eu pagar, como contrib. indiv., 20% do minimo tera um aumento no calculo pra aposentadoria? valeria a pena?

Consultor Previdenciário disse...

Juliana
Você tem que ir no inss e pedir o cálculo da diferença, pagar e depois pedir o acerto das contribuições.

Consultor Previdenciário disse...

Sonia
Depende de quanto tempo falta para você se aposentar, se falta muito tempo a renda poderá ser melhorada, mas se falta poucos anos o aumento é quase nulo.

Anônimo disse...

Recebo 2800 reais de um emprego, no qual é descontado os 11% do INSS (308 reais). Fazendo as contas conforme orientação, deveria pagar mais 20% sobre a diferença para o teto 3689,66 (177,93), o que daria um total de contribuição para o INSS de 485,93, porém isso é maior que o valor do teto (406,09). Isso está correto?
Posso pedir para a empresa descontar o valor do teto de 406,09 de uma só vez, mesmo sendo superior aos 11%?
Muito obrigado!

Anônimo disse...

Pago 20% sobre 2 salários como autônomo e comecei a trabalhar em uma empresa. Gostaria de saber se posso continuar a contribuir com os 20% sobre 2 salários e deixar a empresa descontar apenas o restante para atingir o teto (406,09), ou há uma opção melhor?

Muito obrigado!

Consultor Previdenciário disse...

O empregado paga 11% e no carnê 20% por isso a conta tem que ser feita assim: teto-salário, valor encontrado vezes 20%.

Antonio.Pafu disse...

Tenho 20 anos e quero começar a recolher.
Qual a melhor opção?

Consultor Previdenciário disse...

Não lhe dizer qual a melhor opção, pois depende do que você pretende em relação aos benefícios do INSS.
Veja no site www.previdencia.gov.br as opções para contribuição.

sonia disse...

ha 2 meses atras digitei o valor na guia gps errado e paguei valor abaixo do minimo. Preciso ir ao inss solicitar o calculo ou se eu pagar uma quantia consideravelmente maior esse mes isso ja se resolveria?
grata.

Consultor Previdenciário disse...

Se foi uma diferença pequena é só acrescentar o valor no próximo pagamento que não terá problemas.

Anônimo disse...

Tenho 27 anos pagos sobre o teto da previdencia e 47 anos de idade(MULHER), fui demitida recentemente e gostaria de saber se devo continuar contribuindo sobre o teto ou com o valor minimo??(qto ao valor do Beneficio). Fiz o simulado da previdencia e tenho direito a me aposentar proporcional com 29 anos(qual a diferença em termos de valor,se aposentar com 29 ou 30 anos) Muito Obrigada .

Antonio.Pafu disse...

Qual a contribuição minima que posso fazer atualmente como autonomo? (no momento estou desempregado)

E caso eu deseje começar a pagar para meu filho hoje (agosto), posso pagar por exemplo janeiro,fevereiro para recuperar esses meses?

Consultor Previdenciário disse...

Calcule quantos meses pagou pelo teto desde 07/94 até agora. Depois faça a conta de 30x12 e calcule 80% esse é o limite que será usado no cálculo, o resto pode pagar pelo mínimo.
A aposentadoria proporcional paga 70% da média.

Consultor Previdenciário disse...

O mínimo é sobre o salário-mínimo.
Não pode pagar atrasados para quem inicia o pagamento agora.

vandinho disse...

sr catarino preciso muito de uma orientaçao do sr eu estava a 9 anos no auxilio doença o perito m deu alta mesmo ele postando no laudo q eu estava inpocibilitado pro trabalho enceguida marquei ou perisa com outro perito e ele coloco no laudo q eu tava habito entrei com advogado detalhe to com uma pericia marcada pra 16/09/2011/mais a advogada falou q eu podia deixar marcada mais ela vai marcar uma pericia pela federal pesso uma orientaçao do sr por favor tomo 13 comprimido pra depreçao por dia cid 33.2 fico no aguardo

Marília disse...

Catarino, minha mae contribui 17 anos ao todo, 9 anos antes de 98 e o restante depois. Em 2007 ela foi demitida e desde então não mais contribuiu, sendo que as contribuições anteriores foram correspondentes ao teto máximo. E agora, ela tem 44 anos, ela precisa ter contribuído 25 ou 30 anos para se aposentar com 50? Ela tem direito a lei antiga de 25 anos de contribuição ou a mudança foi para todos?
O que ela deve fazer para se aposentar com um salário de 4 salários mínimos aos 60 anos? Grata! Marília.

maykom disse...

com 15 anos de contribuiçao eu me aposento

Consultor Previdenciário disse...

Vandinho
Não sei o que lhe dizer, fale com seu advogado para ver qual a melhor opção.

Consultor Previdenciário disse...

Marilia
Mulher se aposenta com 30 anos, a renda é feita pela média das contribuições desde 07/94, por isso não há como dizer o que fazer para ter uma renda determinada.

Consultor Previdenciário disse...

Se for homem e tiver 65 anos de idade e 15 de contribuição pode se aposentar.

Bebel disse...

Então! gostaria de saber se mudará o vlr de quem paga referente um salario minimo, ou seja , pagp 59,95 e quanto pagarei em setembro.pois ouvi dizer q vai mudar o valor para 27,25,isso é real? obrigada

Consultor Previdenciário disse...

Esse assunto é muito complexo e envolve vários fatores, por isso vá ao inss para saber sua situação.

Anônimo disse...

Olá ....
Meu pai aposentou em dezembro de 97 com 40 anos e sempre achamos que ele teria aposentado com o teto máximo, visto que ele sempre contribuiu com o teto (inclusive na carta de concessão a tabela de cálculo mostra os salários de Dez/94 à Nov/97 e uma observação dizendo q esta limitado ao teto). Procuramos saber se ele teria direito a revisão do teto que sairá agora em Setembro, mas ele não terá.
Vc acha q ele pode não ter aposentado com o teto ?? Como podemos confirmar isso ??
E como fazer durante a vida profissional para garantir a aposentadoria pelo teto ??
Obrigada,
Natália

Consultor Previdenciário disse...

Natália
Mesmo que ele tenha se aposentado no teto pode não ter direito a revisão. Só tem direito quem se aposentou no teto e no primeiro reajuste ficou com renda limitada ao teto.
Ele pode solicitar uma cópia da carta de concessão para verificar.

Anônimo disse...

FIQUEI TRETRAPLÉGICO DEPOIS D'UM ACIDENTE SOFRIDO EM JANEIRO DE 2006, MAS PERDI A QUALIDADE DE SEGURADO DO INSS EM ABRIL DE 2004, E DEVIDO A ISSO TIVE A SOLICITAÇÃO DO AUXÍLIO DOENÇA NEGADO. ATUALMENTE SOU ESTUDANTE UNIVERSITÁRIO E ATLÉTA PARAOLIMPICO. COMO JÁ ESTOU COM 34 ANOS DE IDADE, E A CARREIRA D'UM ATLÉTA DE ALTORENDIMENTO NÃO VAI MUITO ALÉM DISSO: GOSTARIA DE SABER SE POSSO CONTRIBUIR PARA O INSS SOB ESSA CONDIÇÃO COMO TRABALHADOR AUTONOMO, E SI AINDA PODEREI COM ÊXITO, E DEPOIS DE QUANTAS CONTRIBUIÇÕES, SOLIÇITAR NOVAMENTE O BENEFICIO NEGADO ANTERIORMENTE, MESMO TENDO RECOMEÇADO CONTRIBUIR DEPOIS DO ACIDENTE QUE ME DEIXOU ASSIM???

SEM MAIS PARA O MOMENTO E AGRADEÇO DESDE JÁ!!!

Consultor Previdenciário disse...

Você pode contribuir para se aposentar por idade ou por tempo, para a incapacidade que já foi constatada não tem como.

luana disse...

ola!meu nome é luana tenho 6 anos de carteira assinada,estou desempregada a 6 meses vou começar a paga o inss agora em setembro o valor de11% $59,95 tenho 29 anos com quantos anos vou me aposentar vai ser antes dos 65 anos?

Consultor Previdenciário disse...

Quem paga 11% só se aposentar por idade e mulher precisa ter 60 anos de idade e 15 de contribuição.

rinaldo basi disse...

Olá,obrigado pela atenção antecipadamente e parabéns por auxiliar nas dúvidas.

Tenho 47 anos, fui registrado em 1979 aos 15 e fiquei até 1991 com carteira assinada, porém desse ano para cá, contribui por ser microempresa, 2 anos com desconto de 45% s/ 1 salário, depois parei novamente, ou seja creio que tenho 14 ou 15 anos de contribuição,
o que me sujere para regularizar a partir de janeiro de 2011, pois minha empresa está inativa, posso continuar a contribuir com o devido desconto? continuo autonomo até o presente.

rinaldo basi disse...

catarino...desconsidere a minha pergunta feita no dia de hj, verifiquei q vc ja me respondeu a algum tempo. forte abraço.......

Consultor Previdenciário disse...

Sobre arrecadação o melhor é procurar o inss, não tenho como saber casos específicos.

Tatiana disse...

Oi,

Sou brasileira e tenho 28 anos. Contribuí por 10 anos no Brasil: 3 anos como autônoma e 7 anos com com carteira assinada. Passei a viver no exterior a 15 meses atrás e não contribuí nada neste período. Gostaria de me preparar para regressar ao Brasil quando com 60 anos e ter direito a aposentadoria por idade.

Tenho três perguntas:

1) Perdi o direito de assegurada nestes últimos 15 meses por não ter contribuído?

2) Tenho como correr atrás destes 15 meses perdidos através de multas, juros, etc?

3) Se eu contribuir os 5 anos que me restam para completar 15 anos de contribuição e as leis não mudarem, terei o direito de me aposentar quando completar 60 anos? Note que completarei os 15 anos de contribuição aos 33 anos de idade e não contribuirei dos 33 aos 60 anos de idade.

Muito obrigada. O site é ótimo e muito mais explicativo e didático que o própria site da previdência.

Consultor Previdenciário disse...

Tatiana
O período que ficou no exterior sem pagar não poderá pagar na forma de atrasados.
Tendo 10 anos mantém a qualidade de segurado por 24 meses, por isso ainda não perdeu a qualidade.
Se as regras não mudarem se tiver 15 anos pagos terá direito a aposentadoria por idade ao completar 60 anos, porém a renda será pelo mínimo.

Anônimo disse...

tenho 19 anos de carteira assinada e autonomia tudo junto e tenho 50 anos posso me aposentar
autonomia pago 20º

Consultor Previdenciário disse...

Para se aposentar é preciso: homem=35 anos de trabalho e mulher=30.

Anônimo disse...

Estava pagando no começo do ano 102 reais (20% do salário mínimo) como contribuinte individual. Arrumei emprego registrado, mas agora fiquei desempregada e quero continuar contribuindo, mas queria saber o valor correto. Agora o salário mínimo está 545 reais??? Então pago 108,40 correto??? Muito obrigada!!!

Anônimo disse...

Paguei a competência de janeiro no valor de 102 reais referentes ao mínimo de 510 reais, sendo que deveria pagar o valor sobre o novo mínimo 540 reais. Arrumei emprego registrado e agora fiquei desempregada e quero voltar a pagar novamente, mas só fui perceber o erro deste valor agora em agosto, gostaria de saber o que faço? se tem multa ou juros? ou se posso pagar a diferença de janeiro agora neste referente a agosto? Obrigada

Consultor Previdenciário disse...

O salário-mínimo é R$ 545,oo e a contribuição é R$ 109,00.

Anônimo disse...

oi qual procedimento para pedir beneficio maternidade

Consultor Previdenciário disse...

Você tem que ligar para o 135 e agendar o atendimento no inss.

FC disse...

Meus pais trabalharam durante 14 anos e 2 meses com registro rural como sálario de +- R$1.700,00 agora que estava faltando apenas 10 meses para eles complerarem 15 anos, eles forão dispensados da empresa, agora gostaria de saber se eles podem continuar contribuindo como autonomo esses meses que restam, e qual procedimento.
Agradeço desde já.
Aguardo resposta.

Consultor Previdenciário disse...

FC
Podem sim, é só usar o mesmo número do pis e recolher como facultativo.
Para preencher a guia é só acessar www.previdencia.gov.br

Anônimo disse...

Ola tenho 19 anos.Trablhei 1 ano como menor aprendiz e meu contrato expiro dia 14/09/2011,esse foi meu 1º emprego e gostaria de saber se eu sou obrigado a pagar INSS.Meu salario bruto é de R$801,00

Consultor Previdenciário disse...

Não entendi sua dúvida, se trabalhava como menor aprendiz que tem que recolher o inss é a empresa que desconta de seu salário a parte legal.

Isabel disse...

Catarino

Sempre contribui com tres salarios minimo, nos ultimos 12 meses, sendo socia minoritario de uma empresa, contribui com um pro-labore de 01 salario minimo.Requeri a aposentadoria, e na carta de concessao, veio um valor de beneficio de Cr$ l.683,00. Pergunto: Se a Empresa pagar a diferença (de um salario Cr$ 545,00 para Cr$ 1.500,00) nos ultimos 12 meses, o valor que veio na carta de concessao (Cr$ 1.683,00) irá aumentar? Estou em dúvida se desisto agora do beneficio (nao saquei o valor, nem o Pis e FGTS)para pidir novo calculo.

Consultor Previdenciário disse...

O INSS não aceita que sejam feitos acertos de valores já pagos, não sei se dará certa sua ideia.

Anônimo disse...

bom dia sr.Catarino
Trabalhei durante 12 anos com carteita assinada
até 1987, depois disso paguei 2 anos como autonoma (mas não tenho mais os carnes, foram
extraviados, gosataria de saber o seguinte:
Tenho 53 anos e gostaria de pagar o que falta
para me aposentar por idade sobre o teto maximo,
para isso quanto eu devo pagar? Segundo se eu pagar por tempo de serviço, eu poderia recolher
ou pagar tres anos por ano? ex. pagar em 2012
3 anos na mesma guia, é possivel, ou como eu
poderia recolher para me aposentar com uma média
boa. Muito obrigada. Roselange

Consultor Previdenciário disse...

Se você quer um benefício de valor alto pagando por isso o melhor é procurar um banco e fazer uma previdência privada.
No INSS não há como pagar tempos antecipados e nem pagar para ter renda alta.
A renda é feita pela média.

Anônimo disse...

Sr.Catarino, tenho 30 anos de contribuição como empegada publica municipal Celetista, em outubro faço 55 anos, a mais de um ano apareceu um problema no meu ombro, que inicialmente foi diagonistado, como ombro congelado, mais recentemente fiz uma ressonancia e o resultado foi tendinopatia do supra espinhal com rotura parcial e bursite, o medico me disse que possivelmete vou ter que ser readaptada ou então aposentar, pois trabalho em uma biblioteca e pegar os livros nas prateleiras que gerou esse problema, vou passar em outro medico, gostaria de saber do meus direitos, ja que adquiri esse problema no serviço, desde já agradeço, Tereza

Consultor Previdenciário disse...

Tereza
Pelo que entendi você é servidora pública municipal e eu não sei sobre os direitos dos servidores.
Se recolhe para o inss pode ser aposentada, dependendo da avaliação da perícia médica.

Anônimo disse...

OLa Catalino, gostaria de tirar uma opiniao com vc, fui funcionario publico por 7 anos, depois disso nunca mais contribui com o Inss, ha possibilidade de pagar o valor maximo pra quando atingir a idade eu possa conseguir me a aponsentar com o teto do Inss?

Consultor Previdenciário disse...

Não é possível, a renda é feita pela média desde 07/94.

Fernando Thomé disse...

Tive uma empregada doméstica que trabalhou para mim até 30 de junho de 2010. Depois disto ela passou a trabalhar fazendo serviços diversos de manicure, cabelereira e faxineira. Ela agora quer voltar a pagar o INSS mas quer saber qual a melhor e mais barata forma de fazer isto, já que tem mais de um ano de atraso e não tem mais carteira assinada.

Consultor Previdenciário disse...

Isso só ela pode decidir, diga para que vá ao inss e veja tudo que envolve o assunto.

Paulinha disse...

Olha eu queria saber sobre uma coisinha ..
recebo fixo R$ 300,000 e o resto de comição, nesse mes ganhei 350 de começão , só qi foi descontado do meu salario 115 reais de Inss ..
O INSS e obrigado eu ou meu patrão paga?..
pq .. uma coisa que eu fiquei pensando .. qui si eu não vendesse nada ( pq meu salario e a base de comição ) eu ganharia mais ou menos 300 e pouco
ai teria que pagar 115 reais ao inss ..
eu receberia mais ou menos 200 e pouco ?
isso não ta errado não ?

Consultor Previdenciário disse...

Paulinha
Está tudo errado, ninguém pode receber menso que o salário-mínimo que é de 545,00 e o desconto do INSS é de 8% do que você receber. Se está descontando mais tem coisa errada.

marinez disse...

quem contribui com 11% tem os mesmos direitos dos outros beneficios?

Consultor Previdenciário disse...

marinez
Não tem. Quem paga 11% não pode se aposentar por tempo, só por idade.

Marcelo disse...

olá, minha mãe completou 60 anos agora em 2011 e têm apenas 43 contribuições, contando carteira assinada e pagamentos avulso do carne. ela pode pagar dois ou mais carnes por ano para completar mais rápido as 137 contribuições que faltam?.
Att.
Marcelo

Consultor Previdenciário disse...

Marcelo
Não tem como, pois as contribuições são por competência, assim só mês a mês.

Anônimo disse...

MUITAS DÚVIDAS A RESPEITO, A PREVIDÊNCIA SOCIAL TEM MUITOS CRITÉRIOS E ESTOU COM DIFICULDADES PARA ENTENDER POIS TENHO DÉFICIT DE ATENÇÃO.

EU COMECEI A TRABALHAR COM 21 ANOS DE IDADE, COM QUANTOS ANOS EU PODEREI ME APOSENTAR?
EM CASO DE APOSENTADORIA POR IDADE ?

Emengarda Cansado disse...

por gentilesa, que istória é essa de que dona de casa pode fazê a depositassão de 5 porsento sob um salareo minino? ja fiqei sabeno que presiça de tá escrinto no cad-urno na prefetura da bouça familea essa informassão tem procedenssia ?

Consultor Previdenciário disse...

Os anônimos não têm sexo, por isso fica difícil de responder, mas homens precisam ter 65 anos de idade e mulheres 60 anos e os dois tem que ter 15 anos de contribuição, no mínimo.

Consultor Previdenciário disse...

Emengarda Cansado
É verdade sim. Veja o artigo: Donas de Casas na Previdência

Roseneide das Neves disse...

minha tia trabalhou por 12 anos a base de insalubridade e hoje ela tem 18 anos de carteira assinada numa loja de calçados totalizando assim 30 anos de contribuições. No caso dessa minha tia, será que a previdência teria jeito de converter o tempo que ela trabalhou em situação de risco para fazer uma tipo de contagem de tempo trabalhado como se ela tivesse exercendo como quem trabalha de carteira assinada? Nesse caso, ela poderia requerer a aposentadoria por tempo de contribuição sem exigir a idade pois ela não tem a idade suficiente para requerer a aposentadoria por idade que são exigidos os 60 anos e as 15 carências?

Consultor Previdenciário disse...

Roseneide
Não entendi sua colocação, diz que tem 12 mais 18 e que soma 30 e diz que não tem direito por não ter idade. Se tem 30 anos pode se aposentar com qualquer idade e se tem o PPP o tempo especial será convertido.

CELMA OLIVEIRA disse...

SR. Catarino eu tive carteira assinada 15 anos e 5 meses hoje trabalho por conta propria e pago minha autonomia comecei com 93.00 reais e hoje pago 109.00 agora eu soube que tem gente que paga 50 e pouco por mes seria viavel eu pagar menos no final daria o mesmo valor quando me aposentar por idade tenho 53 anos.

Angelo Ourivesrock disse...

Olá amigo,parabéns pelo blog.É o seguinte,sou autônomo e contribuo desde de 1994,pago atualmente 120,00(20%) por mês e tenho 41 anos,se eu quizer me aposentar com o teto máximo,pagaria sobre quanto? seria esse teto de 2.400 ,já está valendo e eu teria que contribuir por doze anos,é isso?

Consultor Previdenciário disse...

CELMA OLIVEIRA
Se você quer se aposentar por idade e no salário mínimo pode pagar 11% e terá o mesmo direito. Se já tem 15 anos, pode pagar uma parcela por ano para se manter segurado e terá o mesmo direito.

Consultor Previdenciário disse...

Angelo
A renda é calculada pela média das contribuições.
Veja o artigo:http://www.aposentadorias.net/2010/01/como-e-calculada-renda-dos-beneficios.html

Anônimo disse...

Uma pessoa se cadastrou no INSS como faxineira, depois de alguns meses mudou de atividade. Para pagar o INSS na nova atividade é necessário procurar o INSS para cancelar a anterior?

Consultor Previdenciário disse...

Não é preciso mudar a profissão, o que importa é continuar como contribuinte individual, só teria que alterar se mudasse de categoria, por exemplo para doméstica ou facultativa.

Anônimo disse...

Bom dia!
Parabéns pelo blog!!

Lylia disse...

SE UMA PESSOA TRABALHA MEIO TURNO EM UM EMPRESA E C0NTRIBUI COM 21,80, ELA TERÁ DIREITO AOS BENEFICIOS DO INSS?

Consultor Previdenciário disse...

Lylia
Se é empregada devidamente registrada tem direito sim.

DETY disse...

ESTOU COM 42 ANOS ,TRABALHEI COM CARTEIRA ASSINADA POUCO TEMPO.JA TEM 20 ANOS Q NAUM TRABALHO COM CARTEIRA ASSINADA , AGORA ESTOU RECOLHENDO MEU INSS AUTONOMO JA TEM 4 MESES, PAGO 11% DO SALARIO MINIMO,GOSTARIA DE SABER SE OS ANOS DE CONTRIBUIÇAO DE QUANDO ESTIVE COM CARTEIRA ASSINADA VAI SOMAR PRA UM AUXILIO DOENÇA? E SE EU NAO PAGAR NA DATA DE VENCIMENTO O CARNE DO INSS , TEM ALGUM PROBLEMA? OBGD ABRAÇO

Consultor Previdenciário disse...

Dety
O tempo em carteira soma sim para todos os efeitos. Pagar em atraso pode não ser aceito para fins de carência ou recuperação de qualidade.

Junior disse...

ja recolhi 01 ano quando trabalhava de carteira assinada em 2001 depois disso nunca mais paguei. Agora estou abrindo uma MEI(Micro Empreendedor Individual) nela já é recolhido 5% de um salario minimo, eu queria chegar a 20%. Então minha pergunta é se eu posso pagar por fora na GPS apenas 15% para complementar e como eu faria isso, se existe um código para os 15% e como poderia proceder, aguardo resposta pois estou muito sem rumo sobre essa questão e não sei até agora o que fazer.
Junior

Consultor Previdenciário disse...

Junior
Pode pagar os 15% para completar 20%, mas só pode pagar sobre um salário-mínimo.
Não sei se tem um código específico, veja no fone 135.

Anônimo disse...

leo minha duvida e
eu trabalho de carteira assinada desde 1998 e a empresa recolhe em cima de 2 salarios
em 2006 comprei um taxi fiz a inscriçao de autonomo e pago 450 por mes no carne com sera feito o calculo para aposentadoria eles somam as duas contribuiçoes e tiram a media ou eles vao pelo que eu tenho mais tempo de registro e depois acrsenta um pouquinho pela inscriçao de autonomo

Consultor Previdenciário disse...

Leo
Veja os artigos:
http://www.aposentadorias.net/2010/05/multipla-atividade-e-renda-dos.html

http://www.aposentadorias.net/2010/01/como-e-calculada-renda-dos-beneficios.html

jeann disse...

Olá, meu pai era empregado de uma firma e sempre contribuiu na classe 10 (teto previdenciário), ele se aposentou em dezembro de 1993. Ele não teria que estar ganhando o teto da previdência? Hoje ele ganha menos que a metade do teto da previdência. Isto é correto? Sabe me informar se ele tem algum direito em rever estes valores?

Consultor Previdenciário disse...

Jeann
A diminuição da renda é devido aos índices de reajuste, assim não há previsão legal para entrar com pedido de revisão.

joana disse...

oi eu quero saber meu pai tem 9 anos de contribuição como trabalhor rural tem como ele continuar pagando mesmo desempregado obrigado

Consultor Previdenciário disse...

Joana
Se ele está desempregado pode contribuir como facultativo, mas não irá servir para se aposentar por idade, se quer se aposentar como trabalhador rural.

Heli disse...

Sou contnribuinte individual, e atualmente estou pagando R$ 59,95 quero saber como fico informada sobre os aumentos

Consultor Previdenciário disse...

Heli
No final do mês deve sair a nova tabela, quando sair vou publicar aqui no blog.

souzatun disse...

Boa noite por favor vc. pode me tirar uma duvida?
Eu pretendo aposentar com cinco salários minimos supondo que o salário é $545,00 reais a contribuição mensal será de $545,00 reais?V.c pode me explicar melhor caso não seja este valor,agradeço sua atenção obrigado...

Consultor Previdenciário disse...

Não existe como escolher que renda vai ganhar e sim escolher quanto vai pagar. Se quer pagar sobre 5 salários é só multiplicar pelo salário mínimo e calcular 20%.

rinaldo donizeti siqueira disse...

Olá Catarino.

Tenho 47 anos.
contribui por 15 anos com o INSS na forma de empregado e microempresário. ou seja sobre o salário minimo, e faz 10 anos que não pago mais nada, o que propõe a partir de agora.
pago 20% sobre o minimo ou por 2 salário...

Consultor Previdenciário disse...

Rivaldo
O renda é feita pela média, assim tudo o que puder pagar a mais irá melhorar sua renda no futuro.

p2 disse...

olá gostaria se saber para ter uma aposentadoria melhor e preciso ter quantos anos com um salario digamos de R$ 3500,00

Consultor Previdenciário disse...

Não existe essa conta, a renda é calculada pela média das contribuições desde 07/94, assim quanto mais tempo pagar um valor alto irá melhorar a renda final.

flamengo disse...

eu pago 59,95 com o reajuste vou pagar quanto?

Consultor Previdenciário disse...

Você devia ter pago o novo valor desde a competência janeiro que é pago até 15.02.2012.
O novo valor é 68,42.

jonilson Antonio Ramos disse...

como faso para minha mae se aposentar por idadeela tem 64 anos em junho fais 65

Consultor Previdenciário disse...

Jonilson
Veja quantos anos de contribuição ela tem, se já tem os 15 anos pode pedir a aposentadoria.

Letícia Medeiros disse...

Oi, eu gostaria de saber se qualquer pessoa que tenha uma renda mensal pode pagar o INSS?
Por exemplo, meu avô concerta eletrodoméstico e ventilador ele tem a renda dele, ele pode contribuir? Que tipo de autônomo, pode contribuir?

Consultor Previdenciário disse...

Letícia
Qualquer pessoa pode contribuir, até quem não tem nenhuma renda oficial.

lula[ disse...

REJANE DISSE:TRABALHO HA DOIS ANOS,DUAS VEZES POR SEMANA,SO AGORA RESOLVI SABER COMO FAZER SE PAGO AUTONOMIA OU INSS,ME EXPIQUE COMO PROCEDER NESSE CASO.GANHO MEIO SALARIO,E NA OUTRA CASA SETENTA REAIS POR SEMANA.DESDE JA OBRIGADO.

Consultor Previdenciário disse...

Lula
Veja este artigo: http://www.consultor-online.com/2011/08/consultor-online-como-contribuir.html

WandersonGodoi disse...

Olá, meu Pai já contribui com o INSS a 30 anos.

E nos últimos 11 anos ele contribui com a porcentagem de 3 salários mínimos.

Gostaria de saber , se ele continuar pagando o tempo que falta sobre 3 salários mínimos,

Qual valor ele irá receber quando aposentar. (calculado no salário atual R$ 622)

Consultor Previdenciário disse...

WandersonGodoi
Não há como dizer isso, a renda é feita pela média das contribuições desde 07/94 e dela é descontado o fator previdenciário.

Sergio disse...

ola, uma terceira pessoa pagava o carne da minha esposa com o codigo 1406, mas mudou para 1473 mas a aliquota continuou em 11%. Tem algum problema nessa mudança? tb gostaria de saber se dessa forma ela tem direito ao auxilio maternidade. minha esposa não é registrada em carteira.

Consultor Previdenciário disse...

Sergio
Os pagamentos atuais é que estão corretos, os antigos ela vai ter que pedir acerto, pois se referem a quem paga 20%.
Tem todos os direitos, menos aposentadoria por tempo.

Rodrigo disse...

Boa noite,
Tive uma empresa, enquadrada no lucro real, gostaria de saber qual o valor que realmente teria que pagar com 2 funcionários(1 com salario de R$ 1.100,00 e outro de R$ 850,00), mais pro labore sobre R$ 1.100,00.
As GPS vinham com valores de R$ 1.086,00, está correto?
E se tem como reaver valores?

Consultor Previdenciário disse...

Rodrigo
Não sei sobre arrecadação das empresas, você deve procurar o seu contador, caso não tenha terá que ir na Receita Federal.

Baluarte disse...

tenho 60 anos e pago aproximadamente a 20 anos o INSS como autônoma. Acontece que a 15 anos pago 20% do salário mínimo e 05 anos 40% também do salário mínimo. Gostaria de saber com quanto vou me aposentar.

Consultor Previdenciário disse...

Baluarte
Você pode fazer uma simulação da sua renda, veja em http://www.aposentadorias.net/2009/09/saiba-simular-sua-aposentadoria.html

puca disse...

contribui por 2 anos de inss,como autonoma,agora estou trabalhando de carteira assinada,como devo fazr,parar de pagar,ou posso continuar e como fica depois,tenho 53 anos. obrigada.

Consultor Previdenciário disse...

Puca
Se esta trabalhando de carteira assinada é seu empregador quem vai pagar a contribuição, sua parte vem descontada. Para se aposentar tem que ter 15 anos de contribuição e idade de 60 anos.

MatheusB disse...

Olá, vou fazer 25 anos e nunca contribui, sou autônomo... Com uma renda mensal em torno de R$ 1.600,00. Com quanto eu devo contribuir ? Obrigado.

Consultor Previdenciário disse...

MatheusB
Isso é você quem decide, veja as possibilidades lendo este artigo: http://www.consultor-online.com/2011/08/consultor-online-como-contribuir.html

MANDRAKVIDEO disse...

ola catarino,sou costureira deste 1989 e pago 20 por cento do salario minimo ,e resta 7anos para mim se aposenta sera que posso aumenta agora para 4 salario e pelo meno na somatório. eu recebo 2 salario ou não adianta mais só vou recebe 1 salario desde ja o muito obrigado

Consultor Previdenciário disse...

A renda é feita pela média das contribuições desde 07/94 para cá, se pagar por 7 anos com 4 mínimos vai melhorar a média, mas não garante que vá ter um ganho que valha a pena.

Unknown disse...

Boa tarde , eu ja contribuo com a previdencia com o CARNE 1007 , ja paguei 10 CARNES , o valor e de 153.00 , mas eu quero aumentar o valor das mensalidades , quando e como posso fazer isto ? muito obrigado pela atencao .

Consultor Previdenciário disse...

Julio
Você pode aumentar o valor quando quiser, pode pagar até o teto que é R$ 831,80

«Mais antigas ‹Antigas   201 – 338 de 338   Recentes› Mais recentes»