Encontre resposta, de forma instantânea, para o que procura digitando sua dúvida na caixa de buscas abaixo:

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

INSS. A importância de manter a qualidade de segurado.

INSS, Previdência, Qualidade, Segurados, Benefícios.

O INSS, Instituto Nacional do Seguro Social, é uma seguradora que garante muitos benefícios para seus segurados. A maioria das pessoas pensa que o único benefício existente é a aposentadoria, tanto por tempo de contribuição como por idade, mas há outros. Veja neste artigo a relação completa dos benefícios existentes.

Para ter direito aos benefícios oferecidos pela Previdência Social do Brasil é preciso que o segurado esteja escrito e em dia com suas contribuições. Tenho recebido muitas perguntas de pessoas que procuram o benefício de pensão por morte e não tem seu pedido atendido por falta de qualidade do segurado. Mesmo tendo contribuído por muitos anos, se não contribuiu no último ano anterior ao óbito, os dependentes não terão direito.

Por isso é importante prestar atenção com as contribuições e fazer ao menos uma por ano para não perder a qualidade de segurado. O direito a benefícios no INSS funciona da mesma maneira que um seguro, se você paga durante vários anos o seguro do carro e deixa de pagar em um ano e sofre um sinistro não tem direito a indenização e não adiante dizer que pagou durante anos.



Se gostou do post subscreva nosso FEED.
Cópia não permitida - www.aposentadorias.net
Conheça o SHOPPING DO CATARINO
Protected by Copyscape Online Plagiarism Check

42 comentários:

Principe Encantado disse...

Muito boas suas informações, devemos estar atentos aos detalhes que muitas vezes nos foge.
Abraços forte

Anônimo disse...

BOM DIA A MINHA DUVIDA É O SEGUINTE SE O SEGURADO
RECEBE ALTA DO INSS E LOGO ENTRA COM A PR ELE É
OBRIGADO A CONTRIBUIR DE IMEDIATO OU TEM QUE VER
O RESULTADO DA PR PRIMEIRO UM SEGURADO QUE FICOU
30-MESES AFASTADO POR ESQUIZOFRENIA PARANOIDE PODE
VOLTAR A TRABALHAR COMO MOTORISTA PROFICIONAL OU
NÃO.

Anônimo disse...

OLA SOU EU NOVAMENTE VOU DEIXAR MEU E-MAIL........

MARCELO.DA14@ITELEFONICA.COM.BR AGUARDO RESPOSTAS

OBRIGADO.

MANOEL disse...

OLA! SOU MANOEL E QUERO SABER, SE ESTOU DESENPREGADO A DOIS MESES E ESTOU RECEBENDO SEGURO DESENPREGO E SOFRI UM ACIDENTE DE TRANSITO,TENHO DIREITO A DAR ENTRADA PARA RECEBER BENEFÍCIO DO INSS? JÁ QUE CONTRIBUI 20 ANOS E ESTE ANO DE 2010? MANOEL19701@HOTMAIL.COM

Cleonilda disse...

Olá! Meu nome é Cleonilda,Meu primeiro emprego foi com 23 em 1990 a 1991 um ano precisamente a empresa faliu e recomeçei atrabalhar em 1993 até 2006.13 anos,com a carteira assinada. e fazem 4 anos que deixei de contribuir.Quero voltar a pagar. Minha dúvida é :Quanto tempo tenho que pagar de comtribuição para ter direito a aposentadoria e qual o melhor tipo de contribuição: a INDIVIDUAL ou a Facultativa. Por favor, gostaria que vc esclareça essa minha dúvida.
Obrigada,
Muito Obrigada!

Cleonilda disse...

Olá sou a Cleonilda novamente , só pra lhe informar que hoje tenho 43 anos

Catarino disse...

Cleonilda
Para você se aposentar por tempo de contribuição precisa completar 30 anos e por idade precisa completar 15 anos. Se você começar agora vai ter os 30 anos quando completar 60 anos e terá vantagem no cálculo, se contribuir com mais de um salário.
Quando a pagar como contribuinte individual ou facultativo não há diferença. A diferença é que o contribuinte individual tem que ter uma atividade declarada e o facultativo não. Outra diferença é que o facultativo não pode contribuir em atraso e perde a qualidade em 6 meses e o contribuinte individual perde a qualidade em 12 meses.

Cleonilda disse...

Muito Obrigada pela rapidez em responder . Pela primeira vez que eu vejo um site tão bem preparado e atencioso com o público em geral . Vc está de parabéns! Muito obrigada pela resposta me esclareceu bastyenta a minha dúvida!

Cleonilda disse...

Catarino. Boa Noite!

Anônimo disse...

Eu me submeti a cirurgia de retirada da vesícula por videolaparoscopia, tenho direito ao auxilio doença do INSS?

Catarino disse...

Se você é empregado e vai ficar afastado por mais de 15 dias pode pedir o benefício.
Se é autônomo pode pedir a partir do dia da cirurgia.

Eliane disse...

Fui demitida depois fiquei gravida,quero saber se eu tenho direito a auxilio maternidade pois não consigo emprego estando gravida.Como devo me proceder junto ao inss.

Marco A C Pimentel disse...

Sr. Catarino,

Estou com 63 anos, completo 64 em outubro vindouro e no próximo ano (2011) pretendia solicitar ao INSS aposentadoria por idade (65 anos). Nunca fui previdente... Mas agora necessito! Por desconhecer a legislação, hoje em consultas a sites da internet especializados em direito previdenciário descobri que “perdi a qualidade de segurado”. Tenho 16 anos, 08 meses e 03 dias de contribuição (200 meses e 03 dias). A última contribuição em 03 de novembro de 1992. Considerando que já havia contribuído por mais de dez anos, perdi a qualidade de segurado a partir do ano de 1994 (24 meses). Só que fiquei cheio de dívidas quanto a essa “qualidade”. O artigo 240 do Decreto 611/92 diz que: A perda da qualidade de segurado não implica a extinção do direito à aposentadoria ou pensão, para cuja obtenção tenham sido preenchidos todos os requisitos. – esse artigo me deixou mais confuso ainda. Acompanhando por diversos fóruns vi que há uma grande discrepância entre as opiniões. Uns dizem que recorrendo a justiça o ganho é certo. Eu não quero nada disso. Quero saber como proceder para readquirir essa qualidade perdida e seguir o planejamento inicial de requerer a aposentadoria por idade em outubro de 2011. Não sei como procedes – se às consultas são pagas – valores. Ou é um serviço voluntário para auxiliar os menos aquinhoados. Esse é me caso. Se me orientares muito obrigado e sem não – muito obrigado também.

Marco A C Pimentel disse...

Sr Catarino,

Por um lapso coloquei o tempo de contribuição errado. O correto é: 23 anos, 2 meses e 22 dias (278 meses e 22 dias) - Não posso perder esse tempo de contribuição em hipótese alguma.

Obrigado

Catarino disse...

Eliane, você mantém a qualidade por 12 meses, se seu filho nascer antes de 12 meses como desempregada terá direito.

Catarino disse...

Marco
Fique tranquilo que ninguém perde a qualidade para fins de aposentadoria, quando você completar os 65 anos de idade pode pedir o benefício normalmente.

Anônimo disse...

Sr.Catarino
Boa tarde,por favor tenho uma duvida,e gostaria que o senhor me ajudasse se possivel.
Em 2008, trabalhei em uma firma por 3 meses,e pedi demissão,3 meses depois fiquei doente e ainda estou em tratamento,infelismente fique com sequelas que ainda me comprometem a locomoção em uma das pernas, o que me dificulta voltar a trabalhar.Antes desse trabalho,o unico registo que tenho na carteira é de cinco anos em outra empresa,porém fiquei muitos anos sem trabalhar,retornando apenas em 2008.Será que tenho direito ao auxilio doença,já que estou incapacitada de voltar a trabalhar.
Agradeço muito se puder me ajudar.

Catarino disse...

Não tem direito, pois quando ficou doente não tinha qualidade de segurado.

Anônimo disse...

Fiquei de auxílio doença durante 7 meses, daí voltei a trabalhar dia 7 de junho do decorrente mês, mas não recebi minha alta do INSS pq nem sabia disso! Agora o que fazer? Ainda tenho direito ao meu benefício, ou quem vai fazer meu pagamento é somente a empresa agora!

Catarino disse...

Quando lhe concederam o benefício já vinha com uma data fim, se você voltou a trabalhar após essa data é a empresa que paga.
Se não for isso terá que ir ao INSS acertar sua vida, senão irão lhe cobrar os valores que receber estando trabalhando.

Consultor

Anônimo disse...

TRABALHEI NA ANTIGA CIA TELEFONICA BRASILEIRA NO PERIDO DE 21/01/1963 A 30/12/1974 E SOMOU-SE 145CONTRIBUIÇÕES, EM 2009 COMECEI A RECOLHER COMO CONTRIBUINTE INDIVIDUAL PARA ATENDER A TEBELA PROGRESSIVA QUE É DE 180 MESES.
E REQUERER A APOSENTADORIA POR IDADE POIS TENHO 63ANOS.
PERGUNTO NÃO PERDI A QUALIDADE DE SEGURADO POR DEIXAR DE CONTRUIR DE 1974 A 2009.

MARIA CECILIA.

Catarino disse...

Maria Cecília
Não há perda de qualidade para aposentadoria, se você completou a carência, 15 anos, pode pedir o benefício.

Tupy Correa disse...

Caro Catarino
Fui trabalhador em regime CLT de 1970 a 1995.(25 anos)
Em 1996 fiz inscrição como contribuinte individual, porém até hoje , nunca recolhi.
1º como contribuir e voltar a condição de segurado?
2º existe a possibilidade de pagar os dez anos que me faltam para completar os 35 anos?
Obrigado
tupy

Catarino disse...

Tupy
Para voltar a ter condição de segurado é só começar a pagar com sua inscrição.
Quanto a pagar os 10 anos passados você teria que ter pago ao menos uma parcela em dia no ano que fez a inscrição.
Se não fez isso terá que pedir autorização e provar que exerceu atividade sujeita a recolhimentos e não recolheu, terá que ir em uma agência do INSS, se for aprovado lhe darão a guia para pagar.

Anônimo disse...

Obrigado SR. Catarino
Maria Cecilia

Anônimo disse...

Olá Catarino. Gostaria de tirar uma dúvida:Minha mãe tem 62 anos tem osteoporose, artrose, espondiloartrose,osteoartrite e vai passar por uma cirurgia de vesicula biliar laparoscopica . Depois dessa cirurgia ela terá direito a pericia medica do inss?Ela é contribuinte facultativa se ela tiver direito como proceder para marcar a pericia medica ou o hospital onde ela ira fazer a cirurgia se encarregarar disso?E quanto tempo apos a cirurgia podera ser agendada a pericia medica do inss? Muito obrigada por tudo pois sempre que tenho uma duvida tiro-a aqui neste blog lendo os comentarios e as maravilhosas e esclarecedoras respostas que são dadas pelo senhor .Parabens pelo blog é perfeito. Marlene

Catarino disse...

Marlene
Você deve marcar a perícia, pelo fone 135, no dia que ela fizer a cirurgia, pois o benefício vai contar a partir do dia que marcar. Se ela for ficar algum tempo no hospital você terá que dizer ao atendente que quer que a perícia seja hospitalar.
Obs.: Os hospitais não providenciam nenhum pedido de benefício, são os parentes que têm que ligar.
INSS Consultor

nadgy disse...

Olá, bom dia querido!!
tive o desprazer de ver minha sogra q depois de treze anos,foi em busca do seu direito como viuva,teve analizado pelo servidor,concedido o beneficio e depois bloqueado o pagto,devido a tres contruibuiçoes entre os meses 2,3 e 4 de 1986,ja que o falecido era agricutor,perdia neste momento a condição de segurado especial,sem informação nunca tivera em mente que deveria juntar alguma coisa para que no futuro provasse a continuidade como segurado especial,ja q ele era agricutor. Conversando com a minha sogra ele me disse que so pagou esses 3 meses de inss, devido a exigencia para atendimento ao serviço publico de saúde,isso durante o governos atribulado de Jose Sarney,que no proximo governo essa exigencia seria abolida. Foi nos dados 30 dias para apresentação da continuidade,mas não vejo saída,pois nada conteporaneo encontrei que é a exigencia do INSS. peço seu auxilio,fico grato se poder me ajudar.
Contato:andersonfelicciano@hotmail.com

Anônimo disse...

oi! bon dia, sr catarino estou com uma duvida sou motorista estou desenpregado, dia 20/03/2011 recebi minha ultima parcela do seguro desenprego dia 19/03/2011 ou seja um dia antes da minha ultima parcela quebrei o pé,e vou ter que ficar 6 semanas en repouso eu tenho direito ao beneficio do "inss".
obrigado!
joabzoba@hotimail.com

Catarino disse...

Sim, tem direito normal.

Anônimo disse...

boa noite, minha mãe contribuiu por 10 anos mas nos últimos 15 anos não tem contribuído, hoje ela tem 63 anos, e como ela ppode fazer para se aposentar, e também a 8 anos meu pai faleceu e até hoje ela não conseguiu a pensão por no fato ele ter 2 números de inscrição pois nos ultimos anos ele teria pago como autônomo e na época que ele faleceu ele já não estava contribuindo fazia uns 10 anos como ele pode fazer sendo que ja esta na justiça o caso da pensão e nada foi resolvido. No caso da aposentadoria dela , ela ainda não chegou nem dar entrada na papelada por não sa ber o que fazer ela ja contribuiu 10 anos e a uns15 não paga.
Eu desde já agradeço, ....

Catarino disse...

Ela só terá direito quando completar os 15 anos de contribuição, só a idade não dá direito.

Anônimo disse...

mas e no caso da pensão q meu pai contribuiu durante 22 anos, e n época q ele faleceu ele ja havia uns 8 anos q não conribuia, e ele teria 2 numeros , q no caso é o q está atrasando pára resolver...
como ela poderia fazer pois tem nmais de 8 anos que ela entrou com o pedido de pensão e não recebeu resposta.. O que ela deve fazer...
Desde já te agradeço pela atenção e pela resposta anterior...

Anônimo disse...

Boa tarde, meu nome é Fabíola, e meu pai há 8 anos faleceu,e na época ele não era aposentado, minha mãe desde então tem tentado receber a pensão ,mas descobriram que ele além da carteira assinada ele pagou autônomo 2 carnês com números diferentes, mas minha mãe tem todos os carnês inclusive a carteira de trabalho, tudo soma o total de 22 anos pagos, só que até o momento, minha mãe não conseguiu resolver nada nem os advogados. Além disso minha mãe não é aposentada pois parou de contribuir já faz alguns anos e já está com 63 anos. Será que ela consegue receber pensão do meu pai. E a aposentadoria dela como fazer se ele contribuiu 11 anos e já faz alguns anos que não contribui, ela já pode se aposentar. Por favor precisamos de uma luz , pois ela não tem renda nenhuma e é muito difícil pois somos totalmente leigos se tratando de aposentadoria. Se puder nos indicar uma solução ou o que poderíamos fazer para acelerar ou facilitar, estaremos muito grato.
Parabéns seu site é totalmente importante para muitas pessoas que não tem como esclarecer estes tipos de duvidas, desde já lhe agradeço imensamente, fica com Deus e aguardo sua resposta...

Catarino disse...

Não tenho como opinar em casos específicos, o melhor seria ele procurar um advogado.

Catarino disse...

Não tenho como analisar casos específicos, fale com o advogado que contratou ele terá condições de orientar.

Anônimo disse...

boa tarde
eu trabalhei na espanha 9 anos e desde q cheguei aqui no brasil levo 6 meses contribuindo com o inss e a duvida é,tenho a 2 meses constato q tenho pedra na vesicula e tenho q fazer cirurgia esta semana e quero saber se eu tenho direito de receber mesmo tendo contribuido com apenas 6 meses como autonomo?
muito obrigado..(reginaldo)

Catarino disse...

Reginaldo
Se o tempo na Espanha lhe mantiver na qualidade, ficou menos de 12 meses sem contribuir, poderá ter direito, mas vai demorar um pouco até confirmarem seu tempo no exterior.

flaviosilva disse...

Boa Noite,

trabalhei de CTPS assinada de 1979 a 1994 e desde então fiquei sem contribui até o ano de 2000 com apenas um mes de contribuição com inscrição individual. Qual seria a melhor solução para restabelecer a qualidade de segurado, continuar pagando os atrazados desde 2000, ccomeçar a contribui com essa mesma inscrição apartir de agora ou pagar hum ano retroativo para não perder a qualidade de segurado....obrigado pela oportunidade...

Consultor em Previdência disse...

Flavio
Para recuperar a qualidade só pagando contribuições em dia.

Andrea Andrade disse...

Olá bom dia meu nome e Andréa, fui submetida a uma cirurgia de retirada de pedras na vesícula, e tive um pouco de complicação pois as pedras se espalharam e o medico teve que tirar algumas pedras pelo estomago e pelo pâncreas, e com tudo fiquei 22 dias internada, gostaria de saber quanto tempo + ou - posso ficar em casa pelo inss pois sou funcionaria publica.

Catarino Alves disse...

Andrea
O seu médico deve lhe dar um atestado indicando quantos dias deve ficar afastada do trabalho e a perícia do INSS pode concordar com o prazo ou não, mas não tem como saber isso.

Postar um comentário

Caso tenha dúvida faça sua pergunta, utilize o FÓRUM DO CONSULTOR.
Ajude a divulgar o artigo indicando no Google+

Artigos mais acessados nos últimos 30 dias.

 
Copyright © Benefícios da Previdência - Todos os direitos reservados.
Imagem header crédito: stock.xchng - Template Minima de Douglas Bowman - Design por Linketal.com