domingo, 16 de agosto de 2009

// // 281 comments

Tabela Progressiva de Carência na Aposentadoria por Idade

Tabela Progressiva de Carência na Aposentadoria por Idade

A Legislação Previdenciária foi alterada em 24.07.1991 e, para proteger os segurados que estavam próximos a obter o direito à aposentadoria por idade, criou uma regra de transição em que foi criada uma tabela com o tempo mínimo exigido para cumprir a carência de acordo com a data em que o segurado completasse a idade mínima.

A tabela abaixo só é aplicada a quem já estava inscrito e contribuindo em 24.07.1991, data em que a nova lei entrou em vigor. Quem entrou no sistema previdenciário após essa data são obrigados a cumprir o tempo mínimo de 15 anos, tanto para homens como para mulheres.

Observação: Caso o segurado, ou segurada, não tenha a quantidade de meses de contribuição na data em que completou a idade terá que seguir pagando até completar essa quantidade.

Exemplo: Se um segurado completou a idade no ano 1994 e não tinha os 72 meses terá que seguir pagando até completar essa quantidade.


Caso tenha alguma dúvida acesse o Fórum do Consultor Previdenciário, clique na imagem abaixo, e faça sua pergunta que será respondida o mais breve possível. 
Fórum do Consultor Previdenciário
Cópia não permitida -  www.aposentadorias.net

281 comentários:

«Mais antigas   ‹Antigas   201 – 281 de 281   Recentes›   Mais recentes»
ROSIMAR disse...

BOA TARDE GOSTARIA DE ESCLARECER UMA DUVIDA, SE POSSÍVEL. ESTOU ESCOSTADA A 5 ANOS POR MOTIVOS DE SAUDE, CASO O INSS ME DE ALTA, ESSES 5 ANOS QUE FIQUEI ENCOSTADA,CONTAM COMO CONTRIBUIÇÃO OU PERDI ESSE TEMPO, NESSE PERIODO QUE FIQUEI ENCOSTADA. DESDE JÁ AGRADEÇO A SUA ATENÇÃO.

Consultor Previdenciário disse...

O tempo em benefício conta como tempo trabalhado para ser usado na aposentadoria.

Unknown disse...

Boa tarde. Minha esposa está afastada sem vencimentos do Serviço Publico Estadual de SP, exercendo cargo de confiança no governo municipal, cujo vinculo é CLT. Então, hoje tem 12 anos, 9 meses e 7 dias de registro em CTPS (CLT). Caso fique até o final do mandato (dez/2012), terá registrado em Carteira um total de 14 anos, 5 meses e 29 dias. Tem mais 18 anos e 3 meses de Serviço Público (temporário Lei 500). Completará 50 anos de idade em junho/11. Questiono: 1) Para aposentar-se pelo INSS terá que completar 15 anos de contribuição? Em caso positivo, mesmo voltando para o Estado em 2013, quando faltará pouco p/15 anos, poderá pagar carnê individual? Se sim, pode contribuir individualmente com valor semelhante ao que recebia em dez/2012? 2) Com relação à Tabela Progressiva de Carência, tendo sido ela registrada antes de 1991, ela completou 48 anos em jun/2009, então, ela pode se aposentar pelo INSS após 168 meses de contribuição, ou seja: 14 anos, o que se dará em meados de 2012? Agradeço. Daniel

Consultor Previdenciário disse...

Caramujo
No INSS para ela se aposentar terá que ter 15 anos de contribuição e 60 anos de idade.
Para ela pagar como contribuinte individual vai precisar declarar uma atividade compatível com o cargo público.

Unknown disse...

Olá! em julho de 2011, minha mãe completa 59 anos, ela iniciou as contribuições como autônoma com o INSS no ano de 1987 e parou de contribui em 1990 totalizando apenas 23 contribuições. Gostaria de saber se ela poderá novamente ir no INSS e se cadastrar no código 1473, pagar TODAS as 142 que estão atrasadas e continuar pagando mensalmente as 15 que faltariam para completar a carência de 180 contribuições (23+142+15=180), para assim poder dar entrada no pedido de aposentadoria por idade, em jul de 2012 quando completa 60 anos. Obrigado, Marcelo.

Unknown disse...

Olá! Meu Pai recebia do INSS desde 1993 um benefício (1 salário mínimo)chamado de: RENDA MENSAL VITALÍCIA POR IDADE, ocorre que infelizmente ele veio a falecer em abril de 2010 estava com 87 anos de idade. Fui com minha mãe no INSS para dar entrada na pensão por morte e a atendente nos informou que a minha mãe não tem direito, pois o benefício que meu pai recebia não passa para a viúva. Sendo assim gostaria de saber se essa informação é verídica, caso contrário o que minha mãe deve fazer? Obrg. Marcelo.

Consultor Previdenciário disse...

Marcelo
Em tese pode, veja se ela se enquadra nas regras.
http://www.inssconsultoronline.com/2010/08/como-pagar-contribuicoes-do-inss-em.html

Catarino Antonio disse...

Marcelo
Esse benefício não gera pensão. Sua mãe, se não tiver nenhuma outra renda, poderá solicitar o amparo assistencial ao idoso.

Unknown disse...

Catarino!
Tenho um parente que paga como autônomo desde 02/05/1996, porem tem anos que não pagou e até agora só pagou 90 meses (7,5 anos), ele tem 40 anos, ele pode voltar a pagar até os 65 anos sem pagar o atrasado e assim fará 30,5 anos pagos no regime INSS ele se aposenta?
Obs. Ele tambem é professor do municipio pelo regime INN, consegui se aponsentar nos dois pelo INSS, professor e autonomo?
Del.
Mande resposta :
deodarkson@gmail.com

Consultor Previdenciário disse...

Deodarkson
Pode pagar sim e quanto completar a idade e o tempo se aposenta.
No INSS só pode ter uma aposentadoria.

Unknown disse...

Catarino!
Pago como autonomo INSS e contribuo como professor do municipio regime INSS, com isso não aposento nos dois? professor não pode ter mais de uma aposentadoria? o que fazer? se pago ao mesmo tempo?

Consultor Previdenciário disse...

Rego
Professor pode ter até mais de duas aposentadorias, desde que contribua para regimes diferentes, por exemplo: inss, estado e município.
Se seu municipio contribui para o inss é o mesmo regime e só terá direito a uma aposentadoria.

Anônimo disse...

Bom dia!
Minha mãe tem 63 anos, começou a contribuir em 1973, parou por um período e somando tudo ela tem 13 anos de contribuição. Nos foi informado que ela precisaria somente de mais um ano de contribuição, pois ela se encaixava nessa tabela progressiva, mais ao ir a uma agencia do INSS, foi informado que ela tem que contribuir os 15 anos. Minha pergunta é ela se encaixa ou não nessa tabela.

Consultor Previdenciário disse...

Ele precisa completar a quantidade de parcela exigida no ano em que fez 60 anos. Veja na tabela.

Anônimo disse...

Olá Catarino,
Uma vizinha tem 61 anos e 4 anos de contribuição como autônoma.
Ela voltou a contribuir desde o início de 2011.
Tem como ela pagar os anos retroativos para poder se aposentar? E, como ela se filiou em 1990, o tempo pela tabela é de 174 contribuições?
Obrigada desde já.
Rose

Anônimo disse...

Olá Catarino,
Uma vizinha tem 61 anos e 4 anos de contribuição como autônoma.
Ela voltou a contribuir desde o início de 2011.
Tem como ela pagar os anos retroativos para poder se aposentar? E, como ela se filiou em 1990, o tempo pela tabela é de 174 contribuições?
Obrigada desde já.
Rose

Consultor Previdenciário disse...

Rose
Se ela tem como provar que trabalhou e não recolheu pode pedir autorização no inss e pagar.

Ph.com disse...

trabalhei 4 anos e meio como vigilante armado na escala 12/12 e 23 anos como porteiro noturno .
gostaria de saber se tenho direito a aposentadoria

Consultor Previdenciário disse...

A função porteiro não é especial, só se a empresa consiga provar pelo PPP que é atividade especial.

Anônimo disse...

Tenho 4 anos de contribuição em carteira de trabalho, agora sou professor da rede estadual, posso contribuir como facultativo no INSS e esses anos em carteira podem ser aproveitados?

Consultor disse...

Servidor público não pode contribuir como facultativo, só como segurado contribuinte individual.

Anônimo disse...

Tenho 62 anos e já sou aposentada por idade,agora completei 30 anos de contribuição.Tenho direito a um reajuste?

Consultor disse...

Não. Continuar contribuindo não dá direito a revisão.

Anônimo disse...

Trabalhei em um Banco durante 17 anos e saí em 1999 - em 2001 abri um empresa e não recolhi o inss - é possível recolher os atrasados pelo teto maximo? Perdi esses 17 anos de contribuição? Como fazer para me aposentar pelo teto? Hoje tenho 49 anos. Obrigada

Consultor Previdenciário disse...

Para pagar atrasados tem que pedir autorização, o valor é determinado pelo INSS.
O tempo já contribuído não perde.
A renda é calculada com as contribuições após 07/94

Anônimo disse...

Minha mãe recebia aposentadoria da Prefeitura de São Bernardo e morreu, posso transferir sua aposentadoria para minha avó (mãe dela)?

Consultor disse...

Não sei como funciona na Prefeitura, mas em geral não é possível.

Anônimo disse...

Oi, tenho uma dúvida: Minha mãe tem 56 anos e 12 anos de contribuição, e as contribuições nesses períodos foram de valores variados( encima de 2, 3 salários mínimos),seria pertinente ela aumentar a contribuição agora, ou é desnecessário? É verdade que o cálculo é feito sobre os últimos três anos? Afinal como se faz esse cálculo?Obrigada

Consultor disse...

A renda é feita pela média das contribuições desde 07/94 quem tem pouco anos pagos não tem uma boa média, por isso aumentar o pagamento por alguns anos não vai adiantar muito.

Anônimo disse...

Catarino, gostaria de tirar uma dúvida . Minha mãe trabalhou/contribuiu entre 1978 e 1987 e ao completar 60 anos , no ano de 2010, mais precisamente em março, passou a contribuir novamente. Para ter direito a aposentadoria ela terá de contribuir por 15 anos?

Agradeço desde já,

Luiz Antonio

Consultor Previdenciário disse...

Luiz Antonio
Ela pode conta quanto tempo tinha já trabalhado e contribuir até completar os 15 anos necessários.

Anônimo disse...

Boa noite sr Catarino.
Gostaria se possivel o senhor me respondesse se com 11 anos e 04 meses de inss pago eu tenho direito ao auxilio doença, lembrando que deixei de contribui em março de 2009 e também gostaria de saber o que eu posso fazer, pois há uns 30 anos fiz uns depósitos avulsos,perdi os comprovantes e hoje não sei onde e como provar esses reconhimentos.
Por favor me oriente.
Deus te abençoe.
Um Abraço.
Gorete.

Consultor Previdenciário disse...

Gorete
Se deixou de pagar em março de 2009 já perdeu a qualidade de segurado e por isso não terá direito.

Anônimo disse...

O QUE SIGNIFICA CARENCIA

Consultor Previdenciário disse...

Para entender o que é carência veja este artigo:
http://www.aposentadorias.net/2009/08/qualidade-e-carencia-nos-beneficios-da.html

Anônimo disse...

trabalhei 20 anos contribuindo para o inss, sendo que 10 anos foi na area insalubre , e mais 12 anos em uma prefeitura contribuindo para previdencia própria, e trabalho a 10 anos no estado funcionario efetivo area insalubre .posso usar da contribuição do inss apenas 10 anos e somar para o estado, juntamente com o da prefeitura que ja tenho a ctc para aposentadoria. e depois continuar a contribuir para o inss e ter outra aposentadoria.

Consultor Previdenciário disse...

Pode sim, são regimes diferentes. A única ressalva é que não existe atividade especial quando leva de um regime para outro.

Anônimo disse...

Olá Catarino.

Meu nome é Frank.

Gostaria de saber se um homem que nunca contribuiu para a previdência e decidir começar a pagar para a mesma a partir de 50 anos até 65 anos pelo valor do teto, ele receberá, então,85% sobre o valor do teto como aposentadoria por idade?

Consultor Previdenciário disse...

Frank
Não, vai receber 85% da média. Veja como é calculado em artigo na barra lateral.

daniellove2 disse...

Boa Tarde Me Tira Uma Pequena Dúvida Tenho 26 Anos Pelo Que Intendi Tenho que Contribuir 15 Anos Assim Vou Ter 41 Anos Já Poderei Me Aposentar ?

Consultor Previdenciário disse...

Não, terá que esperar até 65 anos se for homem e até 60 anos se for mulher.

REginaldo disse...

Sr Catarino - aposentadoria por idade mulher 60 anos - completou em 2010 - e 168 meses de contribuição - sendo que 6 anos foi atividade insalubre - tem o PPP - o INSS considera insalubridade para aposentadoria por idade??Obrigado - Reginaldo

Consultor Previdenciário disse...

Reginaldo
A carência é só de contribuições, o tempo insalubre não conta para isso.

Aline Boschiero disse...

Bom dia.
Minha mãe completou 60 anos e tem 7 anos de carteira assinada, ela já pode aposentar por idade?

Consultor Previdenciário disse...

Aline
Como ela vai se aposentar só com 7 anos? O mínimo são 15 anos, a idade não dá direito.

Ivo disse...

Tenho 48 anos e 25 anos como rodoviário (tenho direito a insalubridade só não sei quanto tempo), e 2 anos e meio em outros. Quanto tempo falta para me aposentar? A insalubridade é de quanto tempo? Posso pedir a minha aposentadoria? abraço.

Consultor Previdenciário disse...

Ivo
Não sei o que é ser rodoviário, mas se a empresa onde trabalha lhe dá o PPP e nele consta que está trabalhando em atividade insalubre o periculosa pode pedir a aposentadoria se já tem 25 anos nessas condições.

debora disse...

Bom dia!
Meu nome é Debora, tenho 36 noas, trabalho com carteira registrada desde os 14 anos, gostaria de saber quando posso requerer minha aposentadoria.
Obrigada.

Consultor Previdenciário disse...

Debora
Quando completar 30 anos de emprego poderá se aposentar.

Unknown disse...

Pela regra então, se eu pagar o INSS desde os meus 16 anos de idade, no caso, inicio ano 2004, logo, 138 meses; entao apos 15 anos posso pedir 70 porcento do teto por direito mesmo com 31 anos de idade?

Abrass... Felipe

Consultor Previdenciário disse...

Felipe
Isso não é verdade, para se aposentar com 15 anos de contribuição terá que esperar até completar 65 anos de idade.

ana maria felipe disse...

Tenho 64 anos, dei entra na aposentadoria por idade, mas o valor que foi recolhido. Não deu para aposentar. Gostaria de saber o seguinte:Posso recolher mensalmente ou cada 15 dias + de 1 salário mínimo. ( pois quero resolver logo, pois o valor total de uma vez, não tenho condições de pagar??Vou aguardar sua resposta. Meu none: ana maria felipe obrig.....

Consultor Previdenciário disse...

ana maria felipe
Não entendi sua colocação, no INSS para se aposentar você precisa ter 15 anos completos de contribuição, não existe isso de valor a pagar e sim de parcelas.

Consultor Previdenciário disse...

Luciano
Não vai, a renda é feita pela média das contribuições feitas desde 07/94 e dessa média é pago 85%(para quem tem só 15 anos)

data de aniversarios disse...

- Bom dia, Catarino!

- Se uma pessoa contribuiu durante 5 anos como funcionario de uma academia, e agora ela é autonoma, presta serviço de personal em residencias, agora ela que contribuir como autonomo, pagando 20% do ganho dela, + ou - 2.400,00 ela vai pagar 480,00 vc acha que é uma boa ela contribuir para a sua aposentadoria ela tem 38 anos, e outra pergunta pelo o valor de 2.400,00 ela paga o IRRF? = 7,5%?

- Abraço - Luciano.

Consultor Previdenciário disse...

Luciano
Se tem condições de pagar vale a pena sim, pois estará segurado para qualquer eventualidade.
Quando ao imposto de renda veja a tabela no site da REceita Federal.

José disse...

Olá. Obrigado pela oportunidade da informação.
Contribui duante 22 anos com a previdencia até julho de 1994 e depois parei de contibuir. Tenho 63 anos e estou contribuindo novamente desde 1 ano atrás. Tenho direito a aposentadoria por idade em que base de calculo? Agradeço
José

Consultor Previdenciário disse...

Jose
Quando completar 65 anos de idade vai ter direito a aposentadoria por idade, pois tem mais de 15 anos de contribuição, sua renda vai ser no mínimo, pois não terá contribuições para que a média seja feita.

zo disse...

zo, tenho 64 anos e 14anos e 4 messes de contribuição,
o que falta para me aposentar?

obrigado

Consultor Previdenciário disse...

Zo
Que tipo de aposentadoria, você é homem ou mulher?

Alueder disse...

Oi, boa noite, minha sogra trabalhou pouco tempo fichada em empresa particular, a maioria das vezes ela trabalhou de empregada doméstica já contribuia com o inss antes de 1991, tem 144 contribuições. Será que ela consegue aposentar?

Consultor Previdenciário disse...

Alueder
Veja em que ano ela completou 60 anos e compare na tabela acima se for o suficiente terá direito.

jussara disse...

Boa noite, a minha mãe já completou 60 anos de idade e tem 6 anos de contribuição - pelo visto só poderá se aposentar com 15 anos de contribuição, poderia informar se atrapalharia mudar a categoria para do lar. Isso atrapalharia em alguma coisa para se aposentar. Aguardo retorno.

Consultor Previdenciário disse...

Jussara
Pode sim, só precisa ver se ela está enquadrada no cadúnico da prefeitura de onde mora.

Consultor Previdenciário disse...

Luis Claudio
Com o PPP não é preciso o laudo, mas se a empresa tem é melhor ainda, a empresa sucessora pode lhe dar os documentos sim.
Quando a renda é feita pela média, veja no artigo:http://www.aposentadorias.net/2010/01/como-e-calculada-renda-dos-beneficios.html

Unknown disse...

boa tarde,,, acabei d ser diagnosticada como uma pessoa asmatica,, tenho crises terriveis ,, posso encostar??? só q parei de pagar o inss a 2 anos o que fazer??? mari

Consultor Previdenciário disse...

Mary
Se ficou dois anos ou mais sem contribuir perdeu a qualidade de segurado e pagar agora não será aceito, pois já esta doente.
Você precisa ter qualidade de segurado e carência, veja o que isto neste artigo:http://www.aposentadorias.net/2009/08/qualidade-e-carencia-nos-beneficios-da.html

Mirian disse...

Quando uma pessoa se aposenta por idade e 15 anos de contribuição, ela receberá apenas um salário mínimo ou depende dos valores contribuidos?

Consultor Previdenciário disse...

Lucy
Depende de muitos fatores, quanto pagava, por quanto tempo pagou, como pagou, qual o percentual que pagava.

marcyo disse...

Olá minha mãe tem 63 anos ela completou os 60anos em 2010,so que ela so contribuiu 7 anos e isso foi antes de 1991 e nunca mais contribuiu ela consegue se aposentar de alguma forma.

Consultor Previdenciário disse...

Marcyo
Pela tabela ela tem que ter 174 meses, quando completar essa carência poderá se aposentar.

EDIMAR SANTOS disse...

Fui empregador no período de 2000 à 2005 e deixei de recolher o inss como empregador.

pergunto : como poderia regularizar e pagar estes 60 meses atrazados ?

grato, no aguardo

Consultor Previdenciário disse...

Edimar
Você vai ter que ligar para o fone 135 e agendar o atendimento no INSS para requerer a indenização do período.

Ro disse...

Uma mulher completou 60 anos em 2009 e tinha 162 contribuições na data. Em 2010 já completadas as 168 contribuições exigidas, já poderia se aposentar ou teria que completar 180?

Consultor Previdenciário disse...

Ela pode se aposentar quando completar a quantidade de contribuições do ano que completou a idade, desde que tenha pago, ao menos, uma contribuição antes de 07/91.

Unknown disse...

Ola senhor,
Me chamo Ana Quezia
Meu caso seria que minha mãe foi segurada empregada no ano de 1989 e parou de trabalhar 2 anos e meio depois... ou seja, tem apenas 2 anos e meio de contribuição na previdência.
Atualmente ela tem 48 e está pagando como Contribuinte individual(MEI), porém a grande questão é saber: ela perderá os 2 anos e meio que obtinha, pelo fato de ter passado o período de graça? Ou ela pagara apenas 12 anos e meio, para complementar os 15 anos para aposentadoriapor idade? Aguardo sua resposta, obrigada!

Consultor Previdenciário disse...

Ana
Não perde nada, tudo o que estiver recolhido vale para a soma dos 15 anos.

Unknown disse...

Boa tarde!
Minha mãe tem 68 anos e 3 meses, tempo de contribuição até o momento de 10 anos e 7 meses.
Pela tabela progressiva quando ela tiver mais de 13 anos e meio de contribuição, terá direito a dar entrada em 80% da aposentadoria? Foi o que lhe informaram, isso é correto?
Obrigada Mara

Consultor Previdenciário disse...

Lara

Você deve estar fazendo alguma confusão, para ela se aposentar precisa ter, exatamente, 15 anos de contribuição.

Unknown disse...

Boa tarde Dr.,

Minha mãe fez uns recolhimentos antes de 1991, e voltou a pagar há 3 anos e 8 meses, dá um total de 11 anos, disseram que ela já tem direito, isso procede doutor? Muito obrigado e parabéns pelo Blog.

Consultor Previdenciário disse...

Carlos

Se ela completou 60 anos e tem 15 de contribuição tem direito, ou se ela completou 60 ano em 2003 e tem 11 anos tem direito, veja na tabela.

«Mais antigas ‹Antigas   201 – 281 de 281   Recentes› Mais recentes»